terça-feira, 11 de agosto de 2009

Série Empregos e Empregadores: Cassinos

A partir de agora vou começar uma série que vai se chamar: tipos de empregos e empregadores que rolam no work and travel. Vou citar alguns prós e contras de se trabalhar nesse ou naquele tipo de empregador e falar das possíveis funções de trabalho deles também. Espero que esse e os próximos posts, ajudem um pouco vocês na decisão para a escolha do empregador e a sua função de trabalho nele.

Os tipos de empregadores mais comuns do work and travel são: cassinos, hotéis, parques temáticos, restaurantes, mercados, lojas de conveniências e estações de esqui. O empregador a ser abordado hoje será o casino.

Trabalhar em cassinos pode ser interessante para se fazer uma boa grana. Trabalhando com o público como garçon ou garçonete, você pode ganhar bastante tips. A galera vai bebendo e “ficando mais rica”…hehe, eles vão soltando mais a grana para você. Além de garçon, você pode trabalhar como barback ajundando a suprir os mantimentos do bar, limpando ele e no fim do dia você acaba ganhando uma porcentagem das tips do barman. Você pode fazer a função de busser ajudando a limpar as mesas dos clientes e ganhando nessa função também, uma porcentagem das tips dos garçons (cerca de 15% nos dois casos). Além disso dá para trabalhar de caixa, segurança e outras funções menos comuns. Um ponto negativo do casino eu diria que é o ambiente de trabalho. São locais fechados que tem pessoas bebendo, fumando, perdendo e ganhando dinheiro o tempo todo. Você não vê o tempo passar pois o casino é todo fechado e não tem janelas. Já vi e soube de pessoas que foram trabalhar em casinos que caíram na tentação e perderam uma boa grana apostando, mas isso é claro, depende de muito de cada um. Vendo por outro lado, conheci pessoas que adoraram e que sempre voltam em outras temporadas. Penso que se você souber se controlar e não cair nas tentações das apostas, pode ser uma boa opção de intercâmbio. Eu não aconselharia esse tipo de empregador para quem gosta de estar em contato com a natureza e também, quem não gosta de trabalhar de noite e de madrugada.

Espero ter ajudado nas dicas e façam bom proveito das informações. Um abraço a todos até amanhã na segunda parte da série falando sobre estações de esqui, não percam.

Leandro

13 comentários:

  1. Parabéns pelo Seu blog. Está ajudando muito. Abraço

    ResponderExcluir
  2. Leandro F. Weigmann11 de agosto de 2009 12:44

    Obrigado Murilo! Continue nos acompanhando, grande abraço!

    ResponderExcluir
  3. Perfeito. O blog é bastante informativo, esclarecedor e bem completo.

    Parabéns!!

    ResponderExcluir
  4. leandro F. Weigmann11 de agosto de 2009 14:12

    Obrigado Gui! Continue participando e nos acompanhando tbm, em breve teremos mais novidades! Abraço.

    ResponderExcluir
  5. Parabens Leandro, vou pela primeira vez final do ano e ´seu blog está me ajudando muito! forte abraço

    ResponderExcluir
  6. Leandro F. Weigmann11 de agosto de 2009 14:39

    Valeu Rhander! Seja bem vindo, gde abraço

    ResponderExcluir
  7. Oi !!
    Po parabéns pelo blog, realmente esta muito bom!!!
    Tenho muita vontade de fazer intercâmbio, queria muito poder fazer na califórnia, faço facul de engenharia de petróleo e quero ir pra califórnia pra ganhar experiência e talvez ficar por lá mesmo pois quero muito fazer uma graduação em Berkley, sendo que não sei como começar, queria que você me desse umas dicas, se puder agradeço desde já!! vlw abraço !!

    ResponderExcluir
  8. Leandro F. Weigmann11 de agosto de 2009 23:04

    E ai Jorge, obrigado! Realemnte a califórini é lugar muito com pafzer o work and travel, aconselho a todos. Se vc quiser me mande um email com suas dúvidas q a gente conversa melhor. Grande abraço, T+

    ResponderExcluir
  9. Bacana o seu blog, espero que faça bastante sucesso. Abraço.

    ResponderExcluir
  10. Leandro F. Weigmann12 de agosto de 2009 00:37

    Obrigado Edgar, um forte abraço!

    ResponderExcluir
  11. Mto bacana seu blog!!!
    Queria só acrescentar mais um ponto negativo de cassino. Eles trabalham 24 horas... então quem escolhe esse tipo de lugar, tem que saber que corre o risco de trabalhar de madrugada, o que foi o meu caso. Em 2007 rabalhei de hostess de 11 da noite às 7 da manhã...ou seja... adeus vida social ne!!!

    ResponderExcluir
  12. Leandro F. Weigmann18 de agosto de 2009 12:29

    Obrigado Juliana. Muito bem lembrado, tive um amigo que trabalhou nas mesmas condições que você em um cassino bem conhecido. Realmente esse é um ponto extremamente negativo. Continue contribuindo com a sua experiência conosco. Obrigado pela participação!

    ResponderExcluir
  13. muito bom o blog...
    parabens

    ResponderExcluir