sexta-feira, 21 de agosto de 2009

Série Dúvidas Frequentes: Será que trabalhando eu consigo me manter e pagar o investimento do intercâmbio?

E ai galera USA, here go! Neste post vou falar sobre algumas questões muito importantes e que de certa forma preocupam bastante as pessoas. Vamos conversar sobre qual o investimento médio para realizar esse programa, se com o seu trabalho você consegue se manter lá nos EUA e também consegue cobrir o investimento que você fez para realizar o Wrok and Travel.

O investimento médio para realizar esse programa varia de 2.500 a 3.000 dólares (incluindo tudo, exceto o pocket money). O pocket money nada mais é que um valor em dinheiro que você deve levar para se manter nas primeiras semanas, afinal você ainda não terá recebido o seu primeiro salário e você precisa comer, comprar algumas coisas para casa ou comprar roupas de frio para quem for para neve, etc, etc. Recomenda-se levar de 800 a 1.200 dólares. Conheci pessoas que se viraram com menos, outras precisaram de mais do que isso, é muito relativo e depende muito de você. Vale lembrar que esses são valores médios sendo que o valor do programa varia de agência para agência.

Mas será que trabalhando eu consigo me manter e ainda por cima pagar esse investimento? Se você vai conseguir pagar o investimento eu não posso garantir mas em relação a conseguir se manter isso eu posso dar certeza para vocês que sim. Vamos fazer uma simulação para vocês entenderem melhor do que eu estou falando:

Digamos que você embarque no dia 13 de dezembro e comece a trabalhar já no dia 15. A primeira semana é de treinamento e eles te pagam como trabalho normal. Vamos supor que você ganhe 9 dólares por hora (salário razoável de se ganhar) e trabalhe 40 horas por semana. Isso dá um total de 360 dólares por semana, 1440 dólares por mês. Vamos supor que você gaste 400 dólares com moradia, 200 dólares com comida, 40 dólares com transporte e 60 dólares com entretenimento (apenas uma suposição porém baseada em valores reais e comuns praticados entre os intercambistas). Isso dá uma despesa total de 700 dólares por mês. Diminuindo o que você ganha pelas despesas sobram 740 dólares para você guardar. Considerando que você começou dia 15 de dezembro e vai trabalhar até 15 de março (limite máximo permitido para trabalhar), temos 3 meses cheios de trabalho. Multiplicando 740 dólares vezes 3 meses, temos um total de 2.220 dólares que você conseguiu economizar durante o período de intercâmbio.

Moral da história, mesmo trabalhando a 9 dólares por hora, que já é um salário legal, durante três meses, você não consegue pagar o investimento que foi feito para realizar o programa mas consegue se manter tranquilamente. Considerando que você pagou 2.500 dólares para a agência, levou 1.000 dólares de pocket money e economizou 2.200 dólares durante três meses, ainda faltaram para você 1.300 dólares para cobrir tudo.

Viram como é a realidade das coisas? Muita gente acha que chegando lá vai conseguir trabalhar e cobrir tudo tranquilamente e é ai que as pessoas se enganam. Conseguiram enxergar a importância de se trabalhar ganhando tips? As vezes um salário com gorjetas pode passar a sua hora para 12, 13, 14 até 15 dólares em alguns casos. Além disso, destaco aqui a importância de se chegar cedo nos EUA, pois quanto mais cedo você chegar, mais tempo de trabalho você terá e mais dinheiro você vai estar fazendo. Você pode tentar adiantar as provas do semestre para poder chegar mais cedo lá, eu fiz isso e recomendo.

Claro que existem milhares de variações como: quantidade de horas trabalhadas na semana, não pagar aluguel ou ele ser mais barato, fazer overtime, imprevistos financeiros, etc, etc. Essa simulação foi apenas para situar vocês para vocês terem uma idéia dos gastos. Agora cabe a cada um pegar o valor da sua hora, do seu aluguel, do tempo que você vai ficar lá e fazer a sua própria simulação. Façam suas contas! Hehe.

É isso ai pessoal, até amanhã em mais uma postagem da nova série ‘Dúvidas Frequentes’. Abraços!

Leandro

12 comentários:

  1. Leandro, obrigada pelo post, foi esclarecedor (:
    Sobre os second jobs, eles são só nos dias de folga, ou nas horas vagas, mas vários dias na semana? Assim, sei que varia, mas a maioria...E que tipo de emprego é legal como second job?

    Obrigada

    ResponderExcluir
  2. Leandro F. Weigmann21 de agosto de 2009 15:57

    Oi Anna! Eles podem ser nos seus dias de folga e também depois do expediente do primeiro trabalho, vai depender da sua disposição física e do tempo que você vai dispor. O tipo mais ideal de second job é um seja mais light e que não te desgaste tanto para você aguentar a jornada dupla.

    ResponderExcluir
  3. Entendi, tipo quais você acha mais light?

    Obrigada

    ResponderExcluir
  4. Leandro F. Weigmann21 de agosto de 2009 16:05

    Cashier, Front Desk, Hostess, etc, etc..Evite: Waitress, bartender, busser, coisas do gênero. Em breve vamos abordar em detalhes o assunto second job, só aguardar um pouquinho mais ok?

    ResponderExcluir
  5. Leandro,

    Tenho gostado muito dos seus posts, mas em relação a esse último eu discordo de você em alguns pontos:

    1 - USD 9,00 por hora é um salário médio em estados como California e New York, em outros estados, os salários são menores, entretanto os custos de vida também são mais baratos. Um aluno de Work & Travel ganha em média USD 7,50. São raros os empregadores que pagam mais que isso. Em relação aos empregos com tips, você realmente consegue fazer mais grana, SE FOR UM ÓTIMO SERVER. Um server ganha o fixo por hora muito baixo, chegando até a USD 2,50 por hora de trabalho e o restante é em gorjetas, que vai variar de acordo com a qualidade do trabalho do aluno. Se o aluno fizer um trabalho ruim, não vai conseguir os USD 15,00 por hora.

    2 - Você não levou em conta nos seus cálculos os impostos. Alunos de Work and Travel pagam menos impostos do que trabalhadores normais, mas pagam impostos. Em raríssimos casos os alunos não tem impostos descontados de seus salários, mas dependendo do estado e cidade, a carga tributária pode chegar até 15% do salário. E para quem acha que trabalhar de garçon não paga imposto, paga sim, os impostos são descontados do seu salário fixo, baseado no seu relatório de vendas e possíveis gorjetas. Claro que os alunos podem pedir reembolso de taxas um ano depois.

    3 - Crise americana. Foram raros os casos de estudantes que na temporada passada conseguiram trabalhar mais do que 32 horas por semana. Hora extra então foram muito raros! Foi-se a época onde os alunos trabalhavam no mínimo 40 horas. Eu prefiro baixar a bola e dizer que a média é de 25 e 30 horas de trabalho por semana.

    4 - Em relação ao segundo emprego, sei que será assunto de um novo post, mas eu recomendo que arrume um emprego como housekeeper, por exemplo, daqui e arrume um emprego de garçom por lá. Housekeeping tem geralmente o mesmo schedule sempre, o que facilita na hora de conseguir um segundo emprego. Quando eu fui de server, cada dia da semana trabalhava num horário diferente e nunca tinha um horário definido para conseguir segundo emprego.

    Com isso, quero dizer que não dá para sobrar dinheiro na mão sem arrumar segundo emprego, a não ser que seu empregador esteja precisando muito de você.

    Abs,

    Leandro Giglio

    ResponderExcluir
  6. De pocket money, leva o dinheiro do primeiro aluguel mais 300 dolares que vc se vira muito bem, a não ser que vc seja aqueles filhinhos de papai que vai só pra fazer festa!!
    Sobre o retorno, o esquema é conseguir um second job, e trabalhar msm, o máximo que você conseguir, tipo 14 hrs por dia, pra juntar uma puta grana dai no fim do intercambio fazer a festa nos outlets, lojas de eletronicos e viajar um monte!!

    ResponderExcluir
  7. Muito obrigada pelas dicas Leandro! Agora eu animei de verdade. Pelo menos com a Experimento (agência que pretendo ir) ja tenho um emprego garantido so falta saber se vou ter gorjetas hahah Detalhe: tem seguro desemprego no contrato!

    ResponderExcluir
  8. Leandro F. Weigmann22 de agosto de 2009 12:53

    Aline, vale lembrar que eu fiz apenas uma simulação para vocês entenderem como fazer os cálculos baseados no seus gastos e quanto vocês ganharão por hora. Mais tarde vamos ver em um post, como está a realidade americana, quantas horas o pessoal está trabalhando e quanto o pessoal do work and travel está ganhando por hora. Vamos ver a possibilidade de colocar alguns depoimentos do pessoal que viajou ano passado. Fique de olho!

    Leandro

    ResponderExcluir
  9. quais as cidades que tem os custos de vidas mais baratos? e que pagam bem?

    ResponderExcluir
  10. Leandro F. Weigmann22 de agosto de 2009 19:40

    Ardiles, daqui a pouco vamos abordar essa questão ok? Só vou te pedir um pouquinho de paciência. Abraços!

    ResponderExcluir
  11. Leandro, adorei sua postagem, foi bem esclarecedor. Sou de Minas Gerais, sonho fazer intercambio. Gostaria que voce citasse algumas empresas confiáveis que fazem intercâmbio. Obrigada!

    ResponderExcluir
  12. Oi Larissa. Prefiro que você faça as suas próprias conclusões. Dá uma olhadinha numa postagem que escrevi sobre como escolher uma boa agência, vai ajudar bastante. Abraços.

    ResponderExcluir