sexta-feira, 14 de agosto de 2009

Série Empregos e Empregadores: Hotéis

Os hotéis são locais muito interessantes de se trabalhar pela variedade de empregos. Os mais estruturados nos EUA, costumam ter restaurantes, academias, salão de beleza e outras utilidades. Nesse post sobre hotéis, vamos abordar as funções mais comuns de trabalho nos hotéis para o programa work and travel, que são: recepcionista, bellman e housekeeper.

Trabalhando na recepção você ganha por hora fixa. Os salários são bons e o nível de inglês exigido é mais alto pois você terá que trabalhar com o público o tempo todo. É uma ótima opção para praticar o inglês, aconselho. Já na função de housekeeper o nível de inglês exigido é baixo. O trabalho é bem cansativo, você não pratica quase nada o seu inglês no trabalho a não ser com o seu chefe. As vezes você pode ganhar gorjetas do hóspedes, não é muito comum mas acontece, depende muito do nível do hotel. Em relação a função de bellman, eu diria que essa é a melhor função para se trabalhar no hotel pois você está o tempo todo em contato com o público treinando o seu inglês e o melhor de tudo, ganhando boas gorjetas. Sem dúvida é um dos trabalhos mais disputados e normalmente se exige inglês intermediário ou avançado.

Tive um amigo que trabalhou no hotel da estação de esqui onde eu trabalhei, que chegava a ganhar, só para vocês terem uma idéia, 100 dólares por dia nos finais de semana. Conheci uma outra menina aqui de Floripa que a função dela era colocar bombons e uma carta de boas vindas para o hóspedes depois que a housekeeper arrumava tudo (coisas de americanos, hehe). Ela passava de quarto em quarto fazendo isso e ganhava muito bem.

Como falei antes, existem muitas variações de empregos de hotel para hotel, mas as mais comuns foram abordadas acima. Vale lembrar também que os hotéis dependem totalmente de movimento de clientes e trabalhar em hotéis pequenos pode não ser muito interessante. Por isso, aconselho a todos investigarem um pouco sobre o hotel que você está indo trabalhar. Vejam com pessoas que trabalharam anteriormente vasculhando nas comunidades do orkut e as vezes buscando contatos de pessoas que já fizeram o programa na agência que você está indo viajar. É claro que não vamos achar o hotel ideal com 100% de movimento o tempo todo, mas buscar um bom hotel é sem dúvida uma ótima “defesa” para vocês. Outra boa defesa em tempos de movimento fraco, é o second job, mas isso é assunto para outro dia.

Espero que tenham gostado do post de hoje. Não esqueçam que temos o nosso espaço para discussões extras nos comentários. Um abraço a todos e até amanhã na próxima postagem sobre parques temáticos, não percam!

Leandro

12 comentários:

  1. Bom leandro gostaria de dar os parabens pela iniciativa, esta sendo util para todos aqueles que estao indo viajar pela primeira vez ou ate aqueles q estao apenas com algumas duvidas, diante os novos acontecimentos...

    parabens e sucesso.. vida longa ao blog..

    ResponderExcluir
  2. Chorão, muito obrigado e continue sempre nos acompanhando. Abraço e sucesso para você também.

    ResponderExcluir
  3. Leandro, obrigado pelas suas dicas e parabéns pelo seu blog, a 'repaginação' ficou muito legal.
    Grande abraço,

    ResponderExcluir
  4. Obrigado Edgard! Abraço e continue conosco.

    ResponderExcluir
  5. Parabéns cara! To acompanhando as postagens, esta sendo uma grande ajuda pra quem esta pretendendo fazer o work and travel.
    Gostaria de saber se colocara informações sobre postos, uma possibilidade que estou analisando!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  6. Leandro F. Weigmann16 de agosto de 2009 16:01

    Obrigado Felipe. Sim, amanhã farei um post extamente sobre serviços essenciais, não perca!

    ResponderExcluir
  7. Bellman e o que há!

    ResponderExcluir
  8. Eu trabalhei em um hotel na Virgínia.

    Uma outra coisa muito boa dos hoteis é que se houver necessidade, você poderá ganhar turnos ou horas extras em posições diferentes. Por exemplo, eu era recepcionista do hotel, entretanto, se eu estivesse de folga e faltasse um garçon no restaurante, eu ia lá e pedia pro gerente do restaurante me colocar pra trabalhar. Eu enchia o saco de todos os gerentes de departamentos e assim acumulava muitas horas extras. Para mim foi melhor do que buscar second job em outro lugar.

    Abs,

    ResponderExcluir
  9. Muito bem colocado Leandro, obrigado pela participação!

    ResponderExcluir
  10. Gostaria de um conselho, se for possível. Eu estou no avançado de inglês, falo espanhol fluente, e estou começando o francês, (qdo for pro worlk and travel pretendo estar no intermediário de francês). Esse tanto de idiomas pode me ajudar a conseguir um emprego melhor? Estava pensando em trabalhar em um hotel, pq me atrai, e um second em algo que renda uma boa grana, podem me sugerir algo? Obrigaaada!

    ResponderExcluir
  11. Olá Andie! Sugiro que você trabalhe diretamente com o público, especialmente em funções como waiter, bellman ou então bantender que são justamente as melhores funções e onde se ganha mais grana. Em relação ao espanhol, com certeza ele vai te ajudar porque é praticamente a segunda língua nos EUA. Enquanto ao francês não sei se pode te ajudar muito, a não ser que você vá para Vermont em uma cidade que tenha divisa com o Quebec no Canadá onde se recebe muitos turistas que falam francês.
    Leandro

    ResponderExcluir
  12. ui, digitei errado ali em cima: *work.
    Obriiigada pela resposta Leandro, e mais uma vez, parabéns pelo blog! :*

    ResponderExcluir